Cabelo, cabelo meu – coisas que ninguém te conta

Há um tempo atrás, fiz um post falando sobre meus dilemas com o meu cabelo, hoje venho contar para vocês o que ninguém conta, quando resolvemos deixar o cabelo crescer.

Quando você corta o cabelo, fica lindo, maravilhoso, você sai do salão se sentindo uma deusa.

Depois de tempo, o cabelo começa a crescer e não tem nada que faça você domar ele, é aí que entra o dilema: corto ou deixo crescer? No meu caso, resolvi deixar crescer, e foi aí que meus problemas começaram.

Tinha dias, que acordava me sentido a Tyra Banks.

Porém, em outros, eu acordava querendo passar a máquina zero na cabeça.

Até que a fase mullets passou e começou a dar para prender o cabelo, todo dia era um desafio para fazer um penteado descente.

Teve a fase, de só conseguir usar o cabelo liso.

Até que chegou o dia, que consegui usar ele natural, e sai me sentindo uma diva.

Mas apesar de ter dias que ainda me bate a vontade de cortar curtinho de novo, sigo firme e forte, na batalha para fazer o cabelo crescer.

E mesmo tendo dias que me sinto horrível e só consiga o cabelo preso, lembro dos dias que o cabelo estava maravilhoso.

 

E continuo na saga do cabelo comprido.

 

Bjos

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s